• 28 de junho de 2022

Máscaras de cânhamo são distribuídas contra o COVID-19

 Máscaras de cânhamo são distribuídas contra o COVID-19

Devido à escassez de máscaras os governos de vários países recomendaram a utilização de máscaras de pano, que muita gente está fazendo em casa mesmo. O Ministério da Saúde adverte que para funcionar, ela precisa ter duas camadas, não pode ser dividida e precisa ser devidamente higienizada. 

Elas também precisam ser do tamanho certo, ajustadas ao rosto para cobrir bem a boca e o nariz de modo que deixem um espaço nas laterais. Pensando nisso, algumas empresas resolveram fabricar com nada mais e nada menos que cannabis.

Para quem acha que a utilização da planta como tecido é novidade, está enganado. Desde a época industrial ela é muito usada por conta da sua fibra para a fabricação de pano, papéis, cordas e até combustíveis. 

Idosos máscara

As empresas por trás da iniciativa

A iniciativa das máscaras contra a COVID-19 veio justamente por uma empresa portuguesa que fabrica calçados com a fibra do cânhamo, uma variação da cannabis ruderalis. A Startup DopeKics, não fabrica para vender, elas estão sendo doadas para as comunidades ao redor da fábrica.

Elas são confeccionadas pelos funcionários em casa, já que a fábrica está fechada devido a quarentena. As máscaras já foram distribuídas para trinta idosos em um lar da terceira idade e também para os bombeiros da região.  

Na Itália, outra empresa que utiliza o cânhamo na fabricação de tecidos, também confeccionou máscaras à base da planta, mas agora, para vender. A empresa oferece duas opções: com 35% de fios de cânhamo ou com 100%. 

O empreendimento garante que elas são ecológicas, sustentáveis e também laváveis para a reutilização

A escolha do cânhamo não é meramente por ser um tipo de tecido, mas também por seu efeito bactericida natural. No entanto, é importante ressaltar que ela é feita para pessoas em geral, exceto profissionais de saúde. A máscara usada em hospitais e postos de saúde é de um tipo específico que deve seguir uma série de normas.

Tainara Cavalcante

Jornalista e produtora de conteúdo no Cannalize. Amante de literatura, fotografia e conteúdo de qualidade.

Mais Notícias