• 31 de julho de 2021

Quais os motivos mais comuns para as pessoas usarem o CBD?

 Quais os motivos mais comuns para as pessoas usarem o CBD?

Hoje em dia, mais pessoas estão recorrendo ao CBD para lidar com várias situações relacionadas à saúde. Mas você sabe quais são os principais motivos para que isso ocorra?

Estresse, ansiedade e qualidade do sono. Essas são algumas das razões mais comuns pelas quais as pessoas recorrem ao canabidiol (CBD), de acordo com um novo estudo publicado no mês passado. 

A pesquisa, baseada em dados de pesquisa que foi publicado no Journal of Cannabis Research, mostrou  ”que usuários de CBD consomem os produtos para controlar sua ansiedade, estresse, sono e outros sintomas, muitas vezes em doses baixas Esses padrões variam de acordo com o grupo demográfico de características.

Os autores notaram que  pesquisas adicionais são necessárias para entender como pequenas doses, representativas do usuário em geral, podem afetar os sintomas de saúde mental, como estresse, ansiedade e problemas de sono. 

 ”O canabidiol é usado para uma ampla variedade de sintomas de saúde física e mental e melhora a saúde geral e do bem-estar ”, escreveram eles.

A maioria da amostra pesquisada neste estudo descobriu que o canabinoide ajudou com seus sintomas, e eles frequentemente usavam doses abaixo de 50 mg. Dos quatro mais comuns, três estavam relacionados à saúde mental.

O estresse, a ansiedade e os problemas de sono constituem alguns dos maiores problemas de saúde da sociedade, mas ainda faltam opções de tratamento adequadas. Mais pesquisas são necessárias para saber se o canabidiol pode ajudar de forma eficiente e segura para tratar esses sintomas.

Os autores disseram que a pesquisa  sobre os efeitos do CBD de baixa dose em resultados como estresse, ansiedade e problemas de sono tem sido escassa, então eles conduziram uma pesquisa online de usuários de canabidiol para entender melhor os padrões de uso, dose e efeitos desses produtos que contém o canabinoide.

A amostra da pesquisa consiste de 387 consumidores atuais ou passados de CBD, que responderam a uma pesquisa online de 20 perguntas.

Cerca de 61% dos indivíduos eram mulheres e 72% tinham entre 25 e 54 anos. A grande maioria dos entrevistados (77%), estavam no Reino Unido. 

A rápida disseminação do uso de CBD

O uso do canabidiol explodiu nos últimos anos, com um número crescente de produtos de cânhamo aparecendo nas prateleiras de farmácias e lojas convencionais. 

Conforme indicado pelos dados da pesquisa, muitos indivíduos encontraram resultados positivos com o canabidiol e sua busca pelo alívio da privação de sono e ansiedade. 

E para muitos que acham o THC muito forte, o canabidiol é amplamente visto como uma alternativa mais tranquila com menos efeitos indesejáveis.

Um outro estudo publicado no ano passado descobriu que não há evidências de que o CBD sozinho pode prejudicar a direção no volante. 

 “Com a rápida mudança de atitudes em relação ao uso médico e não medicinal de cannabis, dirigir sob a influência de cannabis está emergindo como uma questão de saúde pública importante e um tanto controversa”, disse Iain McGregor da Universidade de Sydney que estava envolvido no estudo.

Embora alguns estudos anteriores tenham analisado os efeitos da cannabis na direção, a maioria se concentrou na cannabis fumada contendo apenas THC (não CBD) e não quantificou com precisão a duração da deficiência.

O canabidiol também é cada vez mais reconhecido como uma alternativa mais segura aos opioides, o que levou algumas organizações a reavaliar suas políticas de drogas. 

No mês passado, a NFL (The National Football League) disse que estava trabalhando com seu sindicato de jogadores para descobrir como o THC e o CBD poderiam servir como uma alternativa eficaz aos analgésicos prescritos para seus jogadores. 

A liga disse que estava trabalhando para melhorar a saúde do jogador por meio do tratamento baseado em evidências da dor aguda e crônica e para facilitar a pesquisa para melhor compreender e melhorar os potenciais tratamentos alternativos.

Referências

  • High Times
Avatar

Bruno Oliveira

Tradutor e produtor de conteúdo do site Cannalize, apaixonado por música, fotografia, esportes radicais e culturas.

Mais Notícias