• 27 de outubro de 2020

Felipe Neto: “Tem que ser muito doente para ser contra”

 Felipe Neto: “Tem que ser muito doente para ser contra”

Recentemente o influenciador Felipe Neto se posicionou sobre figuras políticas contrárias às mudanças sobre a cannabis medicinal no Brasil.

No último domingo (11 de outubro), o youtuber e empresário Felipe Neto usou as redes sociais para falar sobre a atuação política frente a cannabis no Brasil.

Através da sua conta do twitter, o influenciador criticou algumas figuras do governo, como a Ministra Damares Alves e o deputado Osmar Terra, que já declararam publicamente ser totalmente contra o Projeto de Lei 399/2015, que visa o cultivo no país.

Ele escreveu:

“Damares, Osmar Terra e cia estão empenhados contra o projeto de liberação da cannabis para medicina!

São inúmeras provas de eficácia. Mundo inteiro liberando. Ciência implorando. Milhões de pacientes de Parkinson, epilepsia, etc sendo beneficiados.

Tem que ser muito podre para ser contra”

 

Outras críticas

Esta não é a primeira vez que ele critica as políticas de drogas do Brasil. O youtuber também já falou abertamente que experimentou maconha e criticou a divergência social das apreensões sobre a drogas ilícitas.

“Playboy usar droga nunca incomodou o estado ou os conservas. O problema SEMPRE foi o pobre e o preto.

Cansei de ir em festas de rock regadas de tudo e nunca passou pela cabeça de alguém a PM aparecer.

Branco usando droga é coitado que precisa de ajuda. Preto é bandido.” Tuitou no final de 2019.

 

Tainara Cavalcante

Jornalista e produtora de conteúdo no Cannalize. Amante de literatura, fotografia e conteúdo de qualidade.

Mais Notícias