• 24 de junho de 2022

Alimentação pode alterar os efeitos da cannabis, diz estudo

 Alimentação pode alterar os efeitos da cannabis, diz estudo

Assim como muitas coisas combinam e podem ser usadas em conjunto, no mundo canábico não é diferente. A cannabis e a comida combinam muito bem, porém, vamos entender como isso funciona.

A maioria dos consumidores e pacientes de cannabis dizem que o uso da erva estimula o apetite e que consumi-la antes de se alimentar muitas vezes torna as refeições e lanches mais agradáveis 

Infelizmente, pouca atenção é dada à ingestão de alimentos antes do consumo de cannabis e o impacto, se houver, pode estar ligado à experiência no uso da planta e seus efeitos sobre pacientes e consumidores.

Um novo estudo realizado no Canadá explorou a ideia e os profissionais descobriram que pode afetar os hábitos e estratégias de consumo.

Alimentos gordurosos e consumo de cannabis

Você que já é familiarizado com a cannabis, tende a se alimentar antes de fazer o uso?

Se a resposta for sim, o que você come pode determinar quanto tempo leva para os efeitos da cannabis aparecerem, bem como a intensidade desses efeitos, de acordo com os resultados de um estudo realizado por pesquisadores canadenses.

O estudo analisou especialmente dados de testes clínicos envolvendo 28 pessoas que jejuaram antes ou consumiram uma refeição rica em gordura para depois administrar doses orais de THC (cápsulas). 

A pesquisa registrou o que essas pessoas relataram sobre o início e a força desses efeitos.

O que os pesquisadores descobriram foi que o alto consumo de alimentos gordurosos antes do uso oral de THC atrasa esses efeitos do composto da planta.

“Ao todo, essas descobertas sugerem que a presença alta de gordura antes do consumo oral da dose de tetrahidrocanabinol aumenta os níveis de THC e 111-OH-THC.” afirmaram os pesquisadores em suas descobertas.

Por que esta pesquisa é importante?

Do ponto de vista do paciente que faz tratamento com a  cannabis medicinal, esta pesquisa é muito esclarecedora, porque ele geralmente precisa que os efeitos da cannabis comecem o mais rápido possível. 

Também porque são muito mais propensos a consumir cannabis por meio de doses orais.
Além de rápidos, os pacientes geralmente precisam que os efeitos sejam intensos.

Sabendo que tipo de refeição consumir ou evitar antes de ingerir as doses de cannabis, estimula os pacientes a desenvolver melhores regimes de bem-estar para sua situação.

Para algumas pessoas, é desejável esperar pelos efeitos, sabendo que os efeitos tardios serão muito mais fortes. Para outros, o oposto pode ser melhor.

Esse também é o caso dos consumidores de cannabis recreativa. Se aplica a ambos os grupos de consumidores da planta. 

Saber o que esperar em relação aos efeitos da erva é importante. Isso ajuda as pessoas a decidir quando consumir, como consumi-la e a quantidade. 

Mais pesquisas precisam ser feitas a respeito desse assunto, pois varia muito de pessoa para pessoa.

Se alguém consumir cannabis antes de comer um alimento rico em gordura, qual o impacto que tem sobre os efeitos?

Qual a diferença entre o THC oral e fumado em relação a ingestão de alimentos?

Existem outros tipos de alimentos que afetam os efeitos da cannabis, se sim, em quais níveis?

Essas questões, e muito mais, poderiam ser respondidas por pesquisas adicionais que já estão em andamento.

Referências

  • Canaltech today

Bruno Oliveira

Tradutor e produtor de conteúdo do site Cannalize, apaixonado por música, fotografia, esportes radicais e culturas.

Mais Notícias