• 20 de outubro de 2020

Testes de cannabis em peixes-zebra, qual a relação?

 Testes de cannabis em peixes-zebra, qual a relação?

Sabemos que muitos testes clínicos já foram feitos em camundongos para entender os efeitos da cannabis no organismo, mas por que que os peixes também estão ganhando seu espaço nos laboratórios e no universo canábico? Vamos descobrir. 

De acordo com pesquisadores israelenses, os peixes não são apenas úteis para o cultivo de cannabis, mas também podem acelerar o processo de seleção de variedades medicinais das cepas de cannabis.

As empresas que usam um modelo de peixe-zebra, podem identificar cepas e organizá-las com base no poder terapêutico muito mais rápido do que em modelos de ratos ou humanos.

Esses peixes já foram usados para determinar quais cepas podem ajudar a combater problemas de sono, convulsões, Parkinson e dores, além de estudos indicarem que pode ajudar também no autismo e ansiedade. 

Os testes de cannabis nesses peixes foram desenvolvidos pela Camanex, o braço da ciência aplicada do MIGA Galilee Research Institute e pela Canonic, uma subsidiária de uma empresa de biotecnologia computacional.

As empresas também trabalharam juntas para cultivar as variedades de cannabis antes de irem para o laboratório.

 

O que dizem os estudos?

No início deste ano, pesquisadores usaram o peixe-zebra em um estudo sobre o sono para monitorar a atividade cromossoma durante os períodos de descanso.

Os pesquisadores relataram que o peixe tem uma estrutura cerebral semelhante a dos humanos, embora mais simples. Como eles não têm crânios, a atividade do cérebro é mais fácil de monitorar.


Em 2017 um peixe-zebra foi usado pelos pesquisadores na Universidade de Mississippi para determinar as propriedades antiepilépticas do visco ou cannabis.

Outras pesquisas publicada no Journal Progress in Neuro-Psychopharmacology & Biological Psychiatry descobriram que que os peixes são um ótimo modelo orgânicopara estudar o Sistema Endocanabinóide e os opióides no organismo. 

Referências

  • The Growth Op

Bruno Oliveira

Tradutor e produtor de conteúdo do site Cannalize, apaixonado por música, fotografia, esportes radicais e culturas.

Mais Notícias