• 28 de junho de 2022

Soja: O que é, Benefícios, Formas de consumo, Efeitos e Contraindicações

 Soja: O que é, Benefícios, Formas de consumo, Efeitos e Contraindicações

Se você já nos acompanha sabe que ultimamente temos falado muito sobre plantas medicinais e seus benefícios. Hoje vamos falar sobre uma muito famosa, a soja, ou mais conhecida como grão de soja. 

Muito conhecida também como feijão de soja, a soja é uma semente oleaginosa (sementes comestíveis), rica em proteína vegetal, que pertence à família das leguminosas. 

Na maioria é consumida nas dietas vegetarianas e para emagrecer, pois muitos as usam no lugar da carne. 

Essa semente é rica em compostos fenólicos (grupo de antioxidantes) que podem proteger o corpo de algumas doenças crônicas, além de ajudar a aliviar os sintomas da menopausa. 

Seu cultivo começou na Ásia há mais de cinco mil anos e passou a ser explorada comercialmente no Ocidente apenas na segunda década do século vinte, nos Estados Unidos.

Por volta de 1950, seu cultivo passou a ser estimulado no Brasil, sendo a melhor alternativa de verão para suceder o trigo, cultivado no inverno. 

Hoje, o país produz cerca de 75 milhões de toneladas. 

Formas de consumo da soja 

Muitas pessoas ainda têm dúvidas em relação ao seu uso. 

Basicamente, a soja pode ser consumida na forma de grãos cozidos, farinha ou através da proteína texturizada, que é utilizada para substituir as carnes.

Além do grão, outras formas de consumir a soja são o leite de soja e o tofu, que também trazem os benefícios dessa leguminosa.

Benefícios da Soja

Assim como outras plantas ou sementes, ela também pode ser terapêutica. Devido às suas diversas propriedades, a soja traz diversos benefícios para saúde como:

Redução de doenças cardiovasculares 

Ela é rica em antioxidantes como, o ômega-3 e as isoflavonas. Além de ser rica em fibras, que em conjunto ajudam a diminuir o colesterol total, LDL e os triglicerídeos. 

Também previne o surgimento de trombose, evita a formação de placas de gordura nas artérias e ajuda a regular a pressão arterial.

Alívio da menopausa e TPM

Pode ajudar a regular e a equilibrar os níveis deste hormônio, aliviando os sintomas comuns da menopausa, como o calor excessivo, o suor noturno e a irritabilidade. Assim também como pode ajudar a diminuir os sintomas da tensão pré menstrual, conhecida como TPM.

Prevenção de câncer

Também possui compostos chamados ligninas, os quais têm ação antioxidante, protegendo as células do corpo contra os efeitos dos radicais livres. 

Por esse motivo, o uso de soja está associado à prevenção do câncer de mama, próstata e cólon.

Melhora a saúde dos ossos e pele

Pode ajudar a fortalecer os ossos, pois diminui a eliminação de cálcio na urina e, prevenindo doenças como osteoporose e osteopenia. 

O consumo de soja também ajuda a manter a firmeza e elasticidade da pele, pois estimula a produção de colágeno e de ácido hialurônico.

Equilibra o nível de açúcar no sangue 

Ajuda a regular os níveis de glicose no sangue, porque retarda a absorção do açúcar, ajudando a controlar a diabetes


Por que algumas pessoas dizem que a soja pode ser prejudicial?

Ao longo das últimas décadas, alguns estudos em animais comprovaram que a soja produz efeitos negativos em diferentes animais.

Os pesquisadores acreditam que alergias à soja estão presentes em alguns animais. Certas proteínas do grão de soja são conhecidas por causar reações alérgicas em humanos também.

Mas vale lembrar que estudos em animais nem sempre valem para humanos.

Alguns estudos fornecem aos animais doses ou tipos de compostos de soja diferentes dos
observados em seres humanos e que humanos e animais processam alimentos de forma diferente.

Contraindicações

Pessoas com hipotireoidismo devem conversar com o médico antes de consumir a soja, pois existe o risco do grão dificultar a formação dos hormônios tireoidianos.

Bruno Oliveira

Tradutor e produtor de conteúdo do site Cannalize, apaixonado por música, fotografia, esportes radicais e culturas.

Mais Notícias