• 28 de junho de 2022

Escola de farmácia oferece ensino sobre cannabis nos Estados Unidos

 Escola de farmácia oferece ensino sobre cannabis nos Estados Unidos

O novo programa de certificação com pós doutorado e mestrado, tem como foco os ensinos voltados a planta cannabis para uso medicinal e para fins farmacológicos. Imagina essa ideia aqui?

Sem dúvidas, a indústria da cannabis está crescendo muito rápido e são necessários mais profissionais médicos para ajudar, liderar e fornecer orientação e educação sobre o assunto.

É aí que entra um novo programa da Escola de Farmácia e Ciências Farmacêuticas da Universidade do Colorado Skaggs.

Esse programa inicial da escola, oferecido pelo campus médico CU Anschutz no estado de Colorado pela primeira vez, é um curso com a duração de oito semanas para educação sobre o universo da cannabis medicinal.

Os organizadores têm como objetivo ensinar o que a cannabis medicinal pode fazer pelo atendimento ao paciente e como ela deve e não deve se encaixar no mundo da medicina.

Houve tanta demanda pelo programa que a escola está expandindo suas ofertas para incluir diplomas avançados em Ciência e Medicina da Cannabis.

Novos programas oferecidos no estado incluem uma pós-graduação em Ciência e Medicina de Cannabis e um mestrado em Ciências Farmacêuticas. Melhor ainda, todas as aulas serão ministradas on-line, portanto, serão oferecidas ao nível global a quem quiser obter um diploma em cannabis. O início das aulas serão em agosto.

O objetivo principal do programa

Os organizadores têm como foco o entendimento da farmacologia e terapêutica da cannabis e é voltado principalmente para profissionais de saúde e cientistas interessados ​​em aprender mais sobre a química da planta.

A abordagem será de tópicos de ação e segurança de medicamentos e é um bom ajuste para aqueles com um diploma de graduação em ciências da saúde que desejam ingressar nas ciências farmacêuticas.

“Segundo os dados, houve uma falha na educação sobre a cannabis baseada em evidências para profissionais médicos e cientistas”, disse Laura Borgelt, PharmD, professora de Clínica Médica e Medicina de Família. “Mas foi a resposta ao certificado CE de oito semanas que oferecemos na primavera que realmente fornece o feedback necessário. Em todo o quadro, os participantes nos relataram que simplesmente não havia mais nada nesse nível de medicina e ciência. Foi quando percebemos que tínhamos que avançar na oferta de um certificado avançado e um diploma nesse campo emergente.”

“A imensa variedade de produtos de cannabis em dispensários que incluem inalados, comestíveis, concentrados, tópicos e a proliferação de produtos de cânhamo e CBD tornam mais difícil para os médicos avaliarem se o uso de cannabis de um paciente é potencialmente útil, prejudicial ou simplesmente um desperdício de dinheiro”, disse David Kroll, PhD, professor de Farmacologia.

“Sem dúvidas, esses cursos ajudarão os profissionais da saúde a trazerem as perguntas certas de seus pacientes e poderão dar respostas baseadas em pesquisas científicas e clínicas, e não no marketing de produtos. Esses programas também fornece aos cientistas treinamentos avançados na aplicação dos princípios das ciências farmacêuticas à cannabis e outros medicamentos à base de plantas.”

“As escolas de farmácia têm sido o local onde os profissionais de saúde aprendem sobre os medicamentos das plantas”, disse Kroll. “Como nosso corpo docente da Universidade do Colorado liderou projetos de pesquisa para investigar o uso médico e os riscos de cannabis e produtos derivados da planta, acreditamos que chegar à comunidade científica e prática para compartilhar nosso conhecimento e experiência cumpre nossa missão nacional e global melhorar o atendimento ao paciente e criar capacidade de pesquisa acadêmica e industrial.”

Como podemos observar acima, esse marco importante para a educação sobre a cannabis criará um futuro melhor para aqueles que desejam causar grande impacto na indústria no mundo da saúde.

Referências:

  • Hightimes

Bruno Oliveira

Tradutor e produtor de conteúdo do site Cannalize, apaixonado por música, fotografia, esportes radicais e culturas.

Mais Notícias