• 27 de junho de 2022

Conselho de Saúde do Ceará aprova proposta sobre produtos derivados da cannabis no SUS

 Conselho de Saúde do Ceará aprova proposta sobre produtos derivados da cannabis no SUS

O projeto de lei ainda precisa passar pelos deputados, mas representa um grande avanço. Principalmente por partir do próprio governo estadual.

Em uma reunião ordinária realizada nesta terça-feira (14) o Conselho de Saúde do Ceará aprovou a criação de uma política pública para o uso de produtos à base de cannabis para pacientes da rede pública.

A decisão, considerada histórica, foi apresentada junto com um Projeto de Lei feito pelo Grupo de Trabalho Medicinal, criado em 2019 para entender melhor o tema. 

A proposta foi aprovada por unanimidade por todos os 18 conselheiros. No entanto, para que vire lei, ainda precisa passar pela Assembleia Legislativa.

A ideia é que seja remetida como mensagem (quando a proposição é feita pelo próprio gabinete do governo).

Sobre o projeto

Além de facilitar o acesso para os cearenses através do Sistema Único de Saúde (SUS), a ideia é que o projeto também incentive o desenvolvimento de pesquisas científicas com a planta. 

E que os médicos também sejam capacitados para prescrever a planta. Mesmo que milhares de pessoas utilizem o tratamento no Brasil, a descoberta da forma em que a cannabis funciona no organismo é relativamente nova e pouco ensinada nas universidades.

Agora, a proposta deve seguir para a mesa do secretário estadual de saúde, Marcos Gadelha para que seja apresentado oficialmente à governadora Izolda Cela (PDT).

Embora ainda precise passar pelos deputados, o projeto é considerado um grande avanço, principalmente por partir do próprio setor de saúde do estado. 

Tainara Cavalcante

Jornalista e produtora de conteúdo no Cannalize. Amante de literatura, fotografia e conteúdo de qualidade.

Mais Notícias