• 28 de fevereiro de 2021

Como funciona a nova fórmula de CBD que vai deixar o produto mais barato

 Como funciona a nova fórmula de CBD que vai deixar o produto mais barato

O fitofármaco, que mistura vários componentes da planta na sua composição, promete ser mais potente e mais biodisponível. Veja como ele vai funcionar.

O novo fitofármaco à base de canabidiol (CBD) da Entourage Phytolab espera disponibilizar o seu produto nas farmácias já em 2021 e promete ser 60% mais barato. 

Segundo a empresa, a nova fórmula aumenta até duas vezes a concentração no sangue.

Para o CEO, Caio Santos Abreu, deixar o produto mais acessível é o principal. O empresário viveu de perto a necessidade de precisar da cannabis. 

 

A sua mãe usou o óleo para reduzir os sintomas de uma quimioterapia, mas a cannabis tinha que ser comprada no mercado negro por conta do difícil acesso.

Foi depois do episódio em 2015 que ele resolveu deixar a carreira de advogado para desenvolver a sua própria empresa de cannabis. “O investimento em inovação é essencial para tornar os tratamentos com produtos de cannabis mais acessíveis.” ressaltou.

Como funciona

O CBD exerce sua ação somente após atingir a corrente sanguínea e ser distribuído pelo organismo através da corrente sanguínea. No entanto, antes de atingir a circulação, parte do CBD é destruído pelo fígado.

Mas, o efeito Entourage ou efeito sinérgico, pode aumentar a absorção do CBD pela via linfática, que evita sua passagem pelo fígado e sua degradação. 

Esse efeito é conhecido por combinar compostos químicos presentes na planta de uma forma que gere efeitos diferentes e maiores do que se é esperado.

Ou seja, não é apenas o CBD, mas outros canabinóides, como o CBN, CBC, THC e até outras substâncias da planta, como os flavonóides. Isso permite que uma quantidade maior do canabidiol que foi ingerido chegue à corrente sanguínea.

A fórmula da startup também permite uma absorção mais uniforme do CBD pelo intestino, o que reduz a variação de resultado entre diferentes pacientes. Isso porque a genética de cada um é única, por isso, a cannabis pode ter diferentes resultados para cada um.

Além da maior biodisponibilidade, há também uma redução dos custos do tratamento, quando comparamos com produtos de canabidiol isolado. Isso porque usa um extrato integral da cannabis, chamado de full-spectrum.

Um estudo de meta-análise de 2018, publicado na revista Frontiers in Neurology, mostra que pacientes com epilepsia que usam produtos full spectrum, que culmina para o efeito Entourage, consomem doses 4 vezes menores em média, do que os pacientes que usam CBD isolado, além de terem menor frequência de crises e menos efeitos colaterais.

Expectativas

A nova fórmula ainda precisa passar por testes finais, mas o objetivo é que ela sirva para tratar vários tipos de condições. Até agora, são cinco formulações diferentes em desenvolvimento.

Atualmente, o Brasil tem apenas um medicamento à base de CBD disponível nas farmácias, no entanto, o produto chega ao preço de dois salários mínimos.

A expectativa é que com uma aprovação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), o produto chegue às farmácias já em 2021 já com o preço menor.

Caso o Projeto de Lei 399/2015, que legaliza o cultivo medicinal e industrial no país seja aprovado, a startup também espera plantar no Brasil. “Mas também vemos potencial de parcerias e joint ventures para aplicarmos às nossas tecnologias de extração e formulação em outras indústrias, como a de alimentos e cosméticos, que a proposta  também propõe regular” acrescentou Tarso Araújo, diretor de novos negócios da empresa.

 

Avatar

Tainara Cavalcante

Jornalista e produtora de conteúdo no Cannalize. Amante de literatura, fotografia e conteúdo de qualidade.

Mais Notícias