• 25 de junho de 2022

Rio Preto abre licitações para tratamentos com cannabis

 Rio Preto abre licitações para tratamentos com cannabis

O Governador do Estado de São Paulo, Geraldo Alckmin, participou da Inauguração da ampliação e reforma do Terminal de Passageiros e do estacionamento do Aeroporto de São José do Rio Preto. Local: São José do Rio Preto/SP. Data: 16/11/2017. Foto: Alexandre Carvalho/A2img

 Cidade recebeu propostas na licitação para compra de produtos feitos com cannabis. Medida foi determinada pela justiça.

 

A prefeitura de Rio Preto, localizada no interior de São Paulo, abriu procedimentos administrativos para a compra de produtos feitos com cannabis.  

O Nabix 10.000 mg e Nabix 1.500 mg, fabricados com quantidades fixas de Canabidiol (CBD) e Tetraidrocanabinol (THC), são os produtos buscados pelo município. 

No entanto, a licitação não é igual para ambos. O primeiro, receberá propostas de compra até o dia de hoje (8), com o fornecimento de 12 frascos de 100 ml do produto. 

Já o segundo, a data limite é amanhã (9), com uma demanda de 24 frascos de 30 ml. 

Papel da justiça 

Se engana quem pensa que foi uma vontade da prefeitura de Rio Preto. A decisão foi tomada pela Justiça Municipal da Saúde, que determinou o fornecimento dos produtos para pacientes específicos. 

Essas licitações são frequentes. Em outubro de 2021, uma família rio-pretense entrou na justiça para conseguir o acesso ao tratamento. 

Os processos viraram rotineiros, principalmente, devido a baixa disponibilidade. Além do alto custo, esses produtos não estão disponíveis no Sistema Único de Saúde (SUS)

Para que serve o Nabix?

O Nabix é um remédio comercializado em forma de óleo de espectro completo (full-spectrum), ou seja, que tem a presença de vários compostos canábicos, tais como o CBD e o THC. 

O produto apresenta uma maior taxa de Canabidiol (normalmente, cerca de 100 ml), do que de Tetraidrocanabinol (em média, 3 ml). 

Ele é utilizado no tratamento de esclerose múltipla e de dores crônicas e neuropáticas. Além de, dependendo do caso, poder auxiliar no tratamento de ansiedade e de doenças inflamatórias e metabólicas. 

Por conter THC, não é recomendável o uso para crianças. Porém, tudo depende da prescrição médica de um profissional da área.

Gustavo Lentini

Jornalista e produtor de conteúdo da Cannalize. Apaixonado por futebol e pela comunicação.

Mais Notícias