• 27 de junho de 2022

Cannabis Medicinal e Impulsividade: tratamento e como usar

 Cannabis Medicinal e Impulsividade: tratamento e como usar

Comportamentos impulsivos são geralmente associados a distúrbios psiquiátricos e neurológico, como, transtorno de deficit de atenção e hiperatividade, transtorno bipolar, esquizofrenia e por abuso de substâncias.

Mesmo aqueles sem um distúrbio psiquiátrico ou neurológico, podem ser afetados por comportamentos impulsivos.

Jogos de azar, compras em excessos, compulsão alimentar e se expor a atividades perigosas podem causar prejuízos financeiros, ganho excessivo de peso e até lesões físicas.


É lógico que para controlar tudo isso é necessário um tratamento, que permiti avaliar algumas alternativas que ajuda a prevenir situações negativas e focar nossa atenção em algo relevante e ideal.

Papel dos receptores CB1 e CB2 no controle da impulsividade

De modo geral, o sistema endocanabinóide contem dois receptores (CB1 e CB2), dois compostos endógenos que ativam esses receptores AEA (endocanabinóides N-araquidonoyletanolamida) 2-AG (2-araquidonoylglicerol) e duas enzimas metabólicas (amida hidrolase de ácidos graxos) e monoacilglicerol lipase) que controlam a síntese e a destruição desses endocanabinóides.

Ha alguns anos, pesquisas em ratos, camundongos e evidências de apoio em usuários de cannabis, mostraram que os receptores CB1 e CB2, são importantes na regulação de comportamentos impulsivos.

A existência de canabinoides no cérebro pode modificar a atividade de vários sistemas de neurotransmissores, incluindo os sistemas de dopamina, glutamato e GABA.


Em um estudo publicado no British Journal of Pharmacology, cientistas examinaram as ações de dois medicamentos canabinoides que afetam o receptor CB2 em uma raça específica de ratos que contem altos níveis de impulsividade.

Seus resultados indicaram receptor CB2 reduziu o comportamento impulsivo nos ratos.

Além disso, o medicamento pode modificar geneticamente os níveis de CB2, fazendo com que os ratos parecessem com raças com níveis normais de impulsividade.

Por outro lado, a ativação dos receptores CB1 têm sido associadas com o aumento de problemas de controle de impulso, incluindo distúrbios alimentares como anorexia nervosa e bulimia.

Estudos em animais também demonstraram que o bloqueio da sinalização do receptor CB1 leva a melhorias no controle de impulsos e na busca de nicotina ou álcool.

Efeitos do CBD em comportamentos impulsivos

Então, a manipulação do ECS (sistema endocanabinóide) com canabidiol (CBD) e outros fitocanabinóides pode reduzir a gravidade dos comportamentos impulsivos?

Estudos então sendo feitos para saber como os canabinoides afetam a impulsividade e os distúrbios de controle de impulsos, bem como as diferenças nas respostas em como os fitocanabinóides funcionam.


Colaborar para o bom funcionamento do sistema endocanabinóide através de mudança de estilo de vida, nutrição, exercício e uso de cannabis rico em CBD pode ser uma maneira de promover o de bem-estar e ajudar a lidar com comportamentos impulsivos.

Referências:

Bruno Oliveira

Tradutor e produtor de conteúdo do site Cannalize, apaixonado por música, fotografia, esportes radicais e culturas.

Mais Notícias