• 28 de junho de 2022

Sementes de cânhamo: o que são e quais os benefícios.

 Sementes de cânhamo: o que são e quais os benefícios.

Produtos criados com essas sementes são considerados uma fonte nutricional completa, devido a sua grande quantidade de mais de vinte nutrientes, o que as torna um superalimento.

Uma única fonte para todos os aminoácidos essenciais, como gorduras saudáveis, vitaminas, minerais e fibras.

As sementes de cânhamo são uma fonte valiosa de muitos dos nutrientes que nosso corpo precisa todos os dias para funcionar da melhor maneira possível.

A planta de cânhamo pode ser usado para criar alguns produtos, tais como:

  • Produtos de bem-estar
  • Materiais de construção
  • Fibra para vestuário
  • Tela de pintura
  • Corda
  • Bioplásticos
  • Biocombustíveis
  • Produtos alimentares de cânhamo

Elas estão se tornando um superalimento extremamente popular, pelo seu conteúdo nutricional. O óleo a base dessas sementes e o coração (interior da semente) fornecem uma opção nutritiva para melhorar a sua dieta, mas o que são sementes de cânhamo?

Sementes de cânhamo

São sementes pequenas e marrons da planta do cânhamo, da mesma espécie da cannabis sativa. São criadas nas flores das plantas polinizadas. Elas são cultivadas propositalmente em fileiras próximas, a fim de promover o aumento na produção de semente.

As sementes têm o sabor suave. Elas podem ser consumidas inteiras e ter uma textura crocante, ou podem também serem descascadas para expor o ”coração” mais macio e nutritivo. Como são derivadas de plantas com baixo teor de THC (abaixo de 0.3%) elas não são intoxicantes e também seguras para comer.

A seguir, os benefícios nutricionais das sementes de cânhamo.

Benefícios ao comer sementes de cânhamo

É difícil encontrar outro alimento que seja tão rico em nutrientes quanto este. Ao adicionar essas sementes em sua dieta, a absorção de nutrientes vitais do seu organismo pode aumentar, ajudando a preencher as lacunas de uma dieta desequilibrada. As sementes de cânhamo contêm os seguintes nutrientes cruciais para uma alimentação completa e saudável:

 

  • Ácidos graxos de ômega 3 e 6: A única gordura da qual o seu corpo nunca se cansa é o ômega 3. Ela diminuir os níveis de triglicerídeo no sangue, reduzindo o risco de doenças cardíacas. Como um anti-inflamatório, os ácidos gordurosos do Ômega 3 reduzem a dor nas articulações e a rigidez nos pacientes com artrite, também são úteis no tratamento da asma. Podem também prevenir doença de Alzheimer e combater o autismo e TDAH (transtorno de déficit de atenção com hiperatividade) e depressão.

    Embora os ácidos graxos ômega 3 e 6 sejam essenciais para a saúde humana, eles devem ser consumidos a uma proporção próxima de 3,1, sendo assim uma quantidade ideal, que não causa risco ao colesterol . No entanto, em uma dieta comum americana, a proporção é cerca de 25,1. Isso acontece devido à alimentos cada vez mais fritos com óleos ricos em ômega 6 resultando em várias doenças.

    Comer o tipo certo de ácidos de ômega 6 encontrado no cânhamo na proporção sugerida de 3,1 ,pode reduzir a inflamação de dietas ricas em gorduras. A aquisição saudável de ômega 6 também ajuda com dores de artrite, pressão alta no sangue e osteoporose.

  • Aminoácidos e proteínas: aminoácidos são os blocos de construção das proteínas, um dos três macronutrientes que consumimos todos os dias. No entanto, é importante obter proteínas através de fontes alimentares corretas.

    Comer até pequenas quantidades de carne vermelha, por exemplo, pode estar associado a doenças cardiovasculares e câncer de cólon. Em vez disso, os aminoácidos essenciais podem ser obtidos através de comidas como nozes e legumes, frango e peru, peixe e marisco, feijão e soja, e claro, cânhamo. O cânhamo contém todos os 20 aminoácidos, incluindo os 9 aminoácidos essenciais para nosso corpo que não pode produzir isso por conta própria.

  • Fibra: crítica para a saúde do seu sistema digestivo, as fibras também têm sido associadas a níveis mais baixos de colesterol e melhoria dos níveis de açúcar no sangue. Uma dieta rica em fibras também pode ajudar na prevenção do câncer de cólon.

    O risco de desenvolver câncer de cólon ao longo da vida é de 4% em homens e mulheres. Ocupando o 4º lugar, como o câncer que mais afeta as pessoas nos EUA. Para alcançar uma dieta mais saudável, você pode adicionar as fibras em seus alimentos, através das sementes de cânhamo.

As sementes de cânhamo também contêm vitaminas e minerais importantes, incluindo:

  • Vitamina E: um conjunto de compostos que são conhecidos como anti-antioxidantes, a vitamina E protege as células dos efeitos prejudiciais dos radicais livres. Ela também é usada para ajudar a prevenir cânceres como pulmão, colorretal, próstata e pancreático. 
  • Vitamina A: pode ajudar na função imunológica, visão, reprodução e comunicação celular. A vitamina desempenha um papel crucial na formação e função do coração, pulmões, rins e outros órgãos. 
  • Vitamina C: os seres humanos são incapazes de sintetizar a vitamina C, o que torna uma parte essencial da ingestão alimentar humana. A vitamina C é necessária para a formação de colágeno, importante como um antioxidante, e útil por seu papel na função imunológica. 
  • Beta-caroteno: um precursor natural da vitamina A, o beta-caroteno é o pigmento laranja/vermelho encontrado nas plantas e frutas. Embora o excessivo de beta-caroteno possa tornar sua pele alaranjada, é benéfico ao retardar a degeneração macular e impedir a síndrome metabólica. 
  • Riboflavina: Também conhecida como Vitamina B₂, funciona com outras vitaminas do complexo B para a importante produção de células vermelhas no sangue e pode ser usada como tratamento para enxaquecas, doenças sanguíneas e vários problemas na visão, como o glaucoma. 
  • Tiamina: Outra das vitaminas do complexo B, a vitamina B1 ou tiamina é geralmente usada para problemas digestivos, como colite ulcerativa ou para estimular o sistema imunológico. 
  • Niacina: A Vitamina B₃ ou niacina ajudam o corpo a criar certos hormônios relacionados ao sexo e ao de estresse nas glândulas supra-renais e em outras partes do corpo. A niacina é frequentemente usada para tratar colesterol alto, doenças cardíacas e diabete. 
  • Vitamina B12: outra das complexas vitaminas B, a B12 é necessária para formação adequada dos glóbulos vermelhos, funções neurológicas. A vitamina B12 também é conhecida por aumentar o humor, energia e concentração. 
  • Vitamina B6: A vitamina B6 executa várias funções no corpo, com o envolvimento de mais de 100 reações enzimáticas. Essa vitamina ajuda a produzir vários neurotransmissores, incluindo os que regulam o humor e o relógio natural do corpo, além disso, também é útil para combate às doenças associadas à gravidez. 
  • Zinco: perdendo apenas para o ferro na concentração no corpo humano, esse elemento é necessário para o crescimento durante a gravidez, a infância e adolescência. O zinco precisa estar presente para que o sistema imunológico do corpo funcione corretamente, e o seu uso regular tem sido associado a proteção contra o resfriado. 
  • Potássio: Disponível em uma variedade de plantas, frutas e vegetais, o potássio ajuda os nervos e músculos e movem os nutrientes e resíduos dentro e fora das células. O potássio tem sido associado também a melhoria da saúde óssea e a diminuição das chances de pressão alta, doenças cardíacas ou derrame. 
  • Cálcio: O mineral mais abundante encontrado no corpo humano, no entanto, a falta pode causar doenças. O cálcio é o mais conhecido por melhorar os ossos e os dentes e pode ajudar a prevenir a osteoporose. Também desempenha o papel na sinalização das células e pode até trabalhar na regulação do peso.

  • Selênio: aparecendo em pequenas quantidades, na maioria dos alimentos, o selênio é como um complemento por suas propriedades antioxidantes. Embora sua deficiência seja rara, certas condições como o HIV e a doença de Crohn estão ligadas a baixos níveis de selênio. 
  • Fósforo: Representando 1% do corpo humano, o fósforo também regula todas as células do corpo, mas é mais abundante nos ossos e dentes. Além de ajudar a construir ossos e dentes fortes, também regula a filtragem de resíduos nos rins e controla o armazenamento e o uso de energia no corpo. 
  • Magnésio: geralmente usado em laxantes e antiácidos, o magnésio é útil também para inflamações ligadas a doenças do coração e diabete. Disponível em nozes e grãos, folhas verdes, é também usado para tratar enxaqueca e osteoporose. 
  • Ferro: sua quantidade insuficiente pode causa anemia. Nosso corpo precisa de ferro para ajudar a mover substâncias importantes, armazenar e usar o oxigênio. Qualquer pessoa em risco de perda frequente de sangue corre risco de deficiência de ferro.

Uso de produtos com sementes de cânhamo

As sementes de cânhamo estão disponíveis como produtos alimentícios, que podem ser consumidas através de um lanche crocante de nozes, ou em receitas que exigem nozes como um complemento.

Quando descascada, o seu interior é chamado de coração de cânhamo, que pode ser adicionado em smoothies ou triturá-los e polvilha-lis em seu iogurte, cereal ou outras refeições.

Se você está procurando por uma proteína a base de plantas, pode comprar também o cânhamo em uma variedade de pó. Que serve para dissolver em líquidos ou misturar em smoothies (é uma bebida feita a partir de frutas ou vegetais).


Provavelmente os jeitos versáteis e populares de consumo da semente de cânhamo é através do óleo, que tem os mesmos nutrientes que o coração de cânhamo. O óleo da semente pode ser usado em receitas como um substituto da manteiga, em molho para saladas, em lugares de outros óleos e muito mais. O melhor jeito para usar é como acabamento e não como óleo de cozinha.

As sementes de cânhamo também são vendidas em forma de manteiga, onde você pode consumir como uma pasta de amendoim. Além disso, assim como o com leite de amendoim, você pode substituir pelo leite de cânhamo.

Como comer sementes de cânhamo

Como mencionado acima, as sementes de cânhamo podem ser comidas como estão, para um lanche nutritivo e crocante. Essas sementes também estão disponíveis sem casca.

Quando as cascas são removidas, o coração da semente aparece. Este coração nutritivo de cânhamo pode ser adicionado em todo tipo de alimento para ajudar a aumentar o seu valor na dieta.

O pó de proteína pode ser misturados em smoothies ou água para uma bebida nutritiva, enquanto a farinha, permite você substituir a farinha regular para ter os benefícios do cânhamo.

As sementes de cânhamo e seus produtos podem ser usados em inúmeras receitas para impulsionar os valores nutricionais. Elas podem ser compradas na maioria das mercearias e lojas de alimentos especiais ou em lojas online.

Referência:

Bruno Oliveira

Tradutor e produtor de conteúdo do site Cannalize, apaixonado por música, fotografia, esportes radicais e culturas.

Mais Notícias