• 7 de dezembro de 2021

Leite de cânhamo: um mercado em constante crescimento

 Leite de cânhamo: um mercado em constante crescimento

Se você acompanha o mundo canábico já deve saber que o crescimento do mercado dessa planta é algo que  está sempre em alta. Mas você sabia que até na parte alimentícia isso ocorre? Como o leite de cânhamo, por exemplo.

Nos últimos anos, as alternativas ao leite se tornaram um grande mercado, com uma ampla variedade de opções disponíveis. Isso acontece visto que um número crescente de pessoas está optando por opções não lácteas (sem a presença da lactose). 

Atualmente, existe um grande número de produtos no mercado e cada um tem sua preferência quando se trata de alternativas lácteas. 

Entre essas alternativas estão:

  • Soja;
  • Amêndoa;
  • Caju;
  • Coco;
  • Aveia;
  • Avelã;
  • Arroz.

E agora também o cânhamo.

Embora o leite de cânhamo já exista há décadas, ele realmente começou a fazer sucesso nos últimos anos.

Agora é possível encontrar cânhamo puro e bebida com infusão em muitos dos principais supermercados do Reino Unido. 

O leite de cânhamo costumava ser monopólio de marcas especializadas, no entanto grandes empresas continuam lançando suas próprias ofertas.

O bem-estar animal e consciência ambiental em evolução estão entre as razões mais comuns para mudar para alternativas ao leite e muitos alegaram que o cânhamo oferece a opção mais verde ainda. 

O leite de cânhamo é somente um dos milhares de produtos finais que podem ser feitos através da planta de baixo THC. Na verdade, a safra tem sido usada há milhares de anos para a produção de tudo, como por exemplo:

  • Roupas;
  • Armas;
  • Edifícios;
  • Remédios;
  • Combustíveis.

Contudo, o cultivo de cânhamo é fortemente restrito nos Reino Unido, com limitações significativas, sobre quais partes da planta podem ser colhidas.

Por exemplo, as folhas e flores ricas em CBD, que geralmente contém baixos níveis de THC, não podem ser colhidas e devem ser destruídas, apesar da próspera indústria de CBD no país. 

Tanto como alternativa saudável aos laticínios, como fonte industrial, o cânhamo também é considerado uma planta incrivelmente verde, ambientalmente falando.

As evidências mostram que o cânhamo requer pequenas quantidades de água e não precisa de manutenção com pesticidas químicos, que prejudicam o meio ambiente. 

As raízes profundas do cânhamo também podem ajudar na qualidade do solo, aumentando os níveis de nutrientes. 

Há um movimento crescente no Reino Unido para reformar as regulações do cânhamo para nos permitir tirar proveito dos muitos benefícios econômicos e ambientais das safras antigas.

Um projeto de agricultores inovadores, coordenado pela Soil Association, está investigando como a cultura pode ajudar na transição para uma economia de baixo carbono. 

Pleasant Lands é uma campanha liderada pelos ativistas da reforma das políticas de drogas Volterface, que visa trabalhar com funcionários do governo para ajudar a tornar o setor do cânhamo uma indústria viável no Reino Unido. 

Referências

  • Canex
Avatar

Bruno Oliveira

Tradutor e produtor de conteúdo do site Cannalize, apaixonado por música, fotografia, esportes radicais e culturas.

Mais Notícias