• 20 de outubro de 2020

Cultivo de cannabis hidropônica: o que é, quais os cuidados e passo a passo

 Cultivo de cannabis hidropônica: o que é, quais os cuidados e passo a passo

Você sabia? Uma das principais qualidade da hidroponia é realmente o ar sendo borbulhado até através da água, dando as raízes mais oxigênio, o que contribui com o crescimento vegetativo da planta.

traduzido através do site americano Leafly

O que é Cannabis hidropônica?

A cannabis tem uma fama bem conhecida no meio dos cultivadores e daqueles que buscam saber um pouco sobre seu universo, pois a planta possui a capacidade de crescer em quase qualquer lugar, sob várias condições e climas diferentes.

O nome ‘’hidroponia” se refere a plantas cultivadas através de uma solução de água nutritiva e um meio de cultivo inerte, em vez de solo rico em nutrientes. Essa forma de cultivo pode ser algo tão básico quanto imaginamos.

Os produtores de cannabis usam diferentes métodos hidropônicos há muitos anos como forma de aumentar a produtividade e acelerar o crescimento, que são as duas principais vantagens do cultivo sem solo. Trabalhar com superfícies em ambientes fechados pode ser difícil por vários motivos:

  • Possibilidade de não reciclar o solo;
  • Problemas com pragas;
  • Dificuldade nas quantidades de nutrientes;
  • Exige monitoramento rígido do pH do solo;
  • A qualidade da superfície pode afetar o produto final.

Com alguns métodos hidropônicos, podem ser usados pequenos métodos de cultivo que geralmente podem ser reutilizados, além de controlar quais os nutrientes as plantas estão recebendo e os níveis de pH. Com isso, é possível descobrir que seus brotos são maiores, mais saudáveis e mais potentes.

Para quem não tem experiência com o cultivo de cannabis, a hidroponia pode ser uma ótima opção para produzir em qualquer tamanho. No início, pode ser confuso e um pouco desafiador, mas quando se aprende o básico, é possível ver que não é tão difícil quanto parece.

Sistema de cultivo de cannabis hidropônica

Existem inúmeras formas para o crescimento hidropônico, que podem trazer vários benefícios. E, embora haja muitas que não usam nenhum  meio de crescimento, a maioria ainda utiliza algum tipo de substrato para apoiar o desenvolvimento.

Todos os materiais oferecem vantagens e desvantagens, portanto, a escolha do meio certo para as plantas de cannabis, deve ser pensada com cautela.

Embora esse sistema seja construído desde o início do cultivo, é importante notar que existem muitos outros sistemas plug e play disponíveis para quem procura algo mais fácil. Os sistemas plug e play vêm com tudo o que é necessário em um pacote otimizado para permitir que os produtores comecem com o pé direito.

Primeiro vamos começar com os suprimentos necessários. Lembrando que este é apenas um exemplo e, dependendo do espaço e dos resultados desejados, muitas coisas podem ser ajustadas em um sistema hidropônico para que seja eficaz.

A lista abaixo aborda os equipamentos necessários para a instalação do sistema e não inclui luzes, ventiladores, filtros e outras necessidades básicas para qualquer sala de cultivo.

  • Balde de 3 ou 5 galões (um para cada planta);
  • Mesa de cultivo;
  • Argila;
  • Revestimento de lã de rocha;
  • Reservatório;
  • Bomba de água;
  • Bomba de ar;
  • Pedra de ar;
  • Tubo de plástico;
  • Linha de gotejamento;
  • Emissores de linha de gotejamento.

Procura por suprimentos hidropônicos

Depois de reunir os materiais, já pode começar a construção do processo hidropônico, para isso seguiremos 7 passos.

1º passo: o reservatório deve estar em ordem, pois é onde a solução nutritiva é mantida. Um reservatório pode ter todas as formas e tamanhos, dependendo do espaço e altura da planta, e deve manter a bomba de água e a pedra de ar. Ele terá uma linha que conecta a bomba de água com a pedra de ar e uma linha de drenagem da mesa de cultivo. O reservatório terá outra linha que sai da bomba de água para a linha de gotejamento e o cabo para sustentar a bomba de água.

2º passo: criar uma tabela de crescimento. O objetivo é controlar e devolver o excesso de água das plantas para o reservatório. Para fazer isso de forma correta, a tabela precisa ter um ponto baixo, onde todo o excesso de água passará. Este ponto baixo é onde o dreno é instalado e que levará a água de volta ao reservatório por meio de tubulação plástica.

3º passo: adicionar os baldes de 5 galões cheios de pellets de argila sobre a mesa. Antes de usar pellets, é preciso que sejam mergulhados durante a noite para que fiquem totalmente saturados com água para as plantas beberem. Além disso, os baldes precisam ter furos no fundo, para permitir que drenam do excesso de água na mesa de cultivo.

4º passo: o tubo de plástico que sai da bomba de água deve ser passado na linha até a mesa de cultivo. Feito isso, o equipamento da linha de gotejamento pode ser usado para perfurar orifícios na tubulação de plástico e estender a linha de gotejamento para cada balde. 

5º passo: A partir daqui, o sistema pode ser testado sem plantas para ver se tudo está funcionando corretamente, pois não deve ter água parada em nenhum lugar. A bomba de ar sempre deve estar funcionando para manter a água no reservatório oxigenado e em movimento, enquanto os baldes de 5 galões e a mesa de cultivo drenam qualquer excesso de água de volta para o reservatório.

6º passo: neste ponto, tudo está organizado e pronto para criar a solução de água nutritiva no reservatório.

7º passo: quando a solução estiver pronta, as plantas podem ser expostas. Um benefício que este método oferece, é que pode ser facilmente expandida conforme a pessoa desejar cultivar mais plantas, desde que o seu reservatório tenha capacidade suficiente para fornecer água para todas elas.

Nutrientes para a cannabis hidropônica

Quando a cannabis cresce hidroponicamente, o cultivador é o responsável por fornecer todos os nutrientes necessários para a sobrevivência das plantas, que incluem:

  • Nitrogênio (N);
  • Fósforo (P);
  • Potássio (K).

Esses são os três nutrientes essenciais para o crescimento saudável, conhecidos como macronutrientes. Além disso, existem os micronutrientes secundários que também ajudam a planta a se desenvolver. Estes incluem:

  • Boro;
  • Cálcio;
  • Cobre;
  • Ferro;
  • Magnésio;
  • Enxofre e zinco;

Muitas empresas vendem soluções nutricionais hidropônicas que são criadas especificamente para estágios de crescimento. As que são ricas em nitrogênio, são usadas no estágio vegetativo, enquanto as ricas em fósforo se tornam mais necessárias na fase de floração.

Os nutrientes são pré-misturados em uma solução ou em pó. Embora a forma possa ser mais barata e menos volumosa, é melhor ficar com os nutrientes líquidos pré-misturados.

Explorando os nutrientes

Ao misturar nutrientes, é necessário fazer algumas medições para garantir que a solução seja segura para as plantas. Primeiro, deve ser feita corretamente a leitura da CE (condutividade elétrica) e, em seguida, verificar se a leitura do pH está correta.

A leitura da CE serve para que produtores possam dizer quão forte é a solução e quão rica é a água. Quanto mais minerais, maior será a classificação da CE.

Uma leitura entre 0,8 e 2,0 de CE é o ideal para o cultivo de cannabis. Quando uma planta é jovem, precisa de uma quantidade menor de nutriente.

Outra medida comum é usada ppm (partes por milhão), que é outra maneira de saber a densidade da solução.

Existem duas escalas diferentes de ppm usadas na indústria da cannabis: as escalas 500 e 700.

A maneira mais eficiente de medir o ppm é fazer uma leitura de CE, multiplicá-la por 500 ou 700, dependendo da escala que for usando.

Uma leitura de CE de 2,0 seria igual a 1.000 ppm (escala 500) ou 1.400 ppm (escala 700). Muitos leitores usados para medir faz essa conversão automaticamente.

Quanto mais baixo o ppm, menos densa é a solução. É aconselhável tentar as densidades baseadas na idade da planta que incluem:

  • Mudas e brotos precoces – 100 a 250 ppm;
  • Fase vegetativa inicial – 300 a 400 ppm;
  • Estágio vegetativo completo – 450 a 700 ppm;
  • Estágio de floração precoce – 750 a 950 ppm; treliça
  • Estágio de maturação e amadurecimento completo – 1.000 a 1.600 ppm.

A escala em que os nutrientes estão sendo usados devem ser observados antes de fazer qualquer solução nutritiva.

Em seguida, o nível de pH deve ser equilibrado entre 5,5 e 6 que é o ideal para a cannabis absorver os nutrientes. Se os níveis estiverem muito baixos, as plantas param de absorver os nutrientes e sofrem consequências.

O monitoramento da solução deve continuar, fazendo leituras duas vezes por dia para garantir que tudo esteja nos níveis corretos.

Cuidando da cannabis cultivada com hidroponia

Criar uma planta com hidroponia é diferente das diversas maneiras do cultivo comum em uma horta. A planta deve ter um grande apoio. Ao contrário de uma planta que cresce no solo, as plantas em meios hídricos podem ser sensíveis demais as quebras e rompimentos.

A estrutura do jardim pode ajudar a impedir que isso aconteça e também para que as plantas cresçam na direção certa. 

Outro fator importante é a poda. Com a hidroponia, as plantas podem crescer muito rápido. Isso exige mais cuidado neste momento.

A remoção de toda a folhagem inferior e a cobertura da planta antes de passar para o ciclo de floração permite que os brotos maiores e mais altos recebam toda a energia necessária.

Esse cultivo precisa de um bom investimento, em tempo e dinheiro durante o desenvolvimento.

Cultivo no Brasil

O cultivo interno, ao ar livre e de cannabis hidropônica é pouco praticado no Brasil por motivos óbvios: a proibição da cannabis, com o risco de ser preso simplesmente por cultivar uma planta. A pena para flagrante, pode levar de até 15 anos de prisão.

Para uso medicinal, somente mediante a autorização judicial e a importação só pode ser feita com a autorização da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA). O cultivo deve ser feito com autorização da justiça estadual, seguindo uma série de requisitos.

Referêncas:

  • Leafly

Bruno Oliveira

Tradutor e produtor de conteúdo do site Cannalize, apaixonado por música, fotografia, esportes radicais e culturas.

Mais Notícias