• 24 de junho de 2022

Capim-santo (capim-limão): O que é, Tipos, Benefícios, Efeitos, Contraindicações e Formas de uso? 

 Capim-santo (capim-limão): O que é, Tipos, Benefícios, Efeitos, Contraindicações e Formas de uso? 

Você já ouviu falar da planta do capim-santo? Se sim, talvez não saiba os seus tipos, benefícios, efeitos e suas formas de uso. Vamos entender um pouco sobre essa planta.

Também conhecido como capim-limão e capim-cidreira, o capim-santo pode ser usado na aromaterapia, na indústria farmacêutica e alimentícia, pois possui aroma semelhante ao limão.

Quando suas folhas são cortadas podem ser usadas como complemento no tratamento de diversas doenças, principalmente alterações relacionadas ao estômago.

Com origem na Índia, é amplamente cultivada em países de clima tropical e subtropical. Ela se desenvolve bem em praticamente todo o Brasil, por exemplo.

Essa planta pode ser encontrada em algumas lojas de produtos naturais ou sob a forma de chá em alguns mercados.

A erva, que é usada principalmente para fazer chás, também tem grande aplicação nas indústrias farmacêutica, alimentícia e de cosméticos e na aromaterapia.

O óleo essencial de capim-santo, por sua vez, é utilizado em óleos perfumados, shampoos, sabonetes e sabões, desodorantes e loções, entre outros. 

Benefícios do capim-santo

Muitos falam das propriedades dessa planta, mas afinal, para que serve o capim-santo?

Seus principais constituintes são o citral, um composto antimicrobiano e antifúngico importante na inibição e destruição de micro-organismos, e também o mirceno, responsável pela ação analgésica. 

Outros cinco de seus componentes possuem o poder de inibição da coagulação sanguínea.

Por ser uma planta rica em terpenos, flavonoides e compostos fenólicos que proporcionam efeito antioxidante o uso dessa planta pode ter diversos benefícios para a saúde, que incluem:

Melhorar a digestão e tratar alterações do estômago: pois possui ação bacteriana e ajuda a aliviar as dores estomacais devido a sua ação antiespasmódica;

Ação anti-inflamatória e analgésica: tratando a dor de cabeça, muscular, dor de barriga, reumatismo e tensão muscular;

Protege a saúde do coração: pois ajuda a regular o colesterol;

Pode regular a pressão arterial;

Possui propriedades anticancerígenas: a planta é rica em antioxidantes e, por isso, alguns estudos indicam que pode retardar o crescimento de fibrossarcomas e prevenir metástases do câncer de pulmão, por exemplo;

Diminuir inchaço: já que possui propriedades diuréticas, ajudando a eliminar o excesso de líquido do organismo;

Aliviar a gripe: diminuindo a tosse, a asma e o excesso de secreção, quando utilizada na aromaterapia.

Além disso tudo, esta planta pode também trazer efeitos ansiolíticos, hipnóticos e antidepressivos, no entanto os resultados relacionados a esses efeitos são contraditórios, ou seja, são necessários mais estudos que avaliem esses benefícios.

Contraindicações e efeitos do capim-santo

O uso de capim-santo pode causar efeitos colaterais e possui contraindicações, como:

Risco de causar queimaduras caso o local em que houve aplicação direta seja exposto ao sol (assim como a citronela, limão, laranja e outros cítricos);

Em doses excessivas, pode causar sonolência, diarreia, hipotensão arterial, fraqueza e sedação;

O uso do capim santo está contraindicado em casos de dor abdominal forte sem causa aparente ou caso se faça uso de diuréticos e durante a gravidez.

Além disso, no caso de se fazer uso de medicamentos para controlar a pressão arterial, o ideal é consultar o médico antes de fazer uso dessa planta.

Receitas mais comuns com capim-santo

A planta de capim-santo atua como repelente natural de insetos, mas ela pode ser consumida em forma de chá ou utilizada em forma de compressas para acalmar dores musculares. Abaixo estão algumas receitas simples com o capim-limão.


Chá de capim-santo: Colocar 1 colher (de chá) das folhas picadas numa xícara e cobrir com água fervente. Tampar, esperar esfriar, coar muito bem e beber a seguir. Tomar de 3 a 4 xícaras por dia.

Compressas: Preparar o chá e depois mergulhar um pedaço de pano limpo nele, aplicando na região dolorida. Deixar atuar por pelo menos 15 minutos.

Brigadeiro de capim-santo:

Três xícaras de chá de folhas de capim-santo;

200 ml de leite (¾ xícara de chá);

Duas latas de leite condensado.

Bata as folhas de capim-santo e o leite em um liquidificador até obter um suco. Passe este suco pela peneira e transfira-o para uma panela, adicionando as duas latas de leite condensado. Em seguida, mexa até atingir o ponto de um brigadeiro (desgrudando da panela).

Despeje a massa de brigadeiro em um prato untado com manteiga e espere esfriar. Depois do frio, com as mãos untadas, pegue pequenas porções, faça bolinhas e coloque em embalagens próprias para brigadeiros.

Bruno Oliveira

Tradutor e produtor de conteúdo do site Cannalize, apaixonado por música, fotografia, esportes radicais e culturas.

Mais Notícias