• 31 de julho de 2021

A cannabis pode ajudar a emagrecer?

 A cannabis pode ajudar a emagrecer?

O canabidiol tem um efeito contrário ao THC, que causa a famosa larica. Por isso, é possível usá-lo ao nosso favor?

Isso por de soar um pouco contraditório, uma vez que a famosa larica produz uma fome enorme. No entanto, como já explicamos aqui, a coisa não é bem assim.

Por si só a erva não engorda, pois a sua influência é apenas dentro da mente. Por mais que o indivíduo sinta fome, esse é um comportamento do cérebro e não uma necessidade do corpo.

Para se ter uma ideia, uma pesquisa realizada em 2019 e publicada no International Journal of Epidemiology, comparou o Índice de Massa Corporal (IMC) de 30 mil usuários de maconha, com pessoas não fumantes.

O resultado foi que os consumidores da erva apresentavam uma taxa bem menor de obesidade que pessoas que não fumavam.

Então ela ajuda a emagrecer?

Vamos lá. Primeiro é preciso entender que algumas substâncias da cannabis também são produzidas pelo nosso próprio organismo. Você deve estar se perguntando, mas como assim?

Para manter o equilíbrio da maioria das funções do corpo, são produzidos os chamados canabinoides, que servem para sinalizar quando algo não está bem.  Isso ajuda a regular algumas funções como sono, humor, fome, sistema imunológico, sistema nervoso e claro, o metabolismo.

Estes canabinoides também podem ser encontrados em algumas plantas. Sim, eles também são encontrados na cannabis.

O canabidiol (CBD) é um canabinoide, por exemplo, e é por isso que ela serve de ajuda em tantas doenças diferentes.

Os canabinoides podem influenciar o controle do apetite, ingestão e o balanço energético. Sabendo disso, é possível usar estes canabinoides ao nosso favor.

Um metabolismo mais acelerado pelo CBD, por exemplo, pode ajudar o corpo a queimar mais gorduras.

Mesmo o canabidiol ajudando a queimar as células de gordura de forma mais rápido, é importante lembrar que a cannabis não faz todo o trabalho sozinha.

É preciso fazer exercícios e ter uma dieta saudável. O máximo que a planta pode fazer por você é potencializar os efeitos.

CBD

Estamos falando do canabidiol porque ele trabalha de forma inversa ao tetrahidrocanabinol (THC), principal canabinoide da maconha que gera a larica.

O Canabidiol ajuda a suprimir o apetite, fazendo com que o corpo use a gordura do próprio corpo como energia.

Porém, não é regra. Lá no topo do texto nós já falamos que as pessoas que fumam a erva tendem a ser mais magras, não é mesmo?

Benefícios secundários

Como já dissemos aqui, os canabinoides podem afetar o corpo todo, por isso, além de influenciar diretamente na perda de peso, ele pode ser de grande ajuda em problemas secundários, que causam a ganho de peso.

Como por exemplo, a depressão. Ela pode ocasionar em um aumento de peso e não só ela, como também várias condições da saúde mental.

 Alguns estudos científicos já têm mostrado a eficácia dos componentes da planta para o alívio dos sintomas, e de forma mais rápida que antidepressivos.

Avatar

Tainara Cavalcante

Jornalista e produtora de conteúdo no Cannalize. Amante de literatura, fotografia e conteúdo de qualidade.

Mais Notícias