• 21 de junho de 2021

Você sabe qual a função dos canabinoides para a cannabis?

 Você sabe qual a função dos canabinoides para a cannabis?

Imagem: Getty Images

Que a cannabis serve para uma variedade de doenças nas pessoas, é fato. Mas qual a utilidade deles para as plantas? 

Desde a década de 1970 a ciência tem evidenciado o uso da cannabis para o tratamento das mais variadas condições, que vão desde náuseas até Parkinson e esclerose múltipla.

Ela funciona a nível celular e age diretamente na raíz do problema, através do famoso Sistema Endocanabinoide, presente no organismo dos humanos e da maioria dos animais. Mas esta é outra história. 

O assunto deste artigo é: como a cannabis utiliza os canabinoides produzidos por ela? 

Imagem: Getty Images

 O que são canabinoides

Primeiro, é preciso entender o que são estas pequenas moléculas que podem ser utilizadas pelo corpo humano. 

O nosso corpo também produz canabinoides, que ajudam a regular a homeostase, ou seja, o equilíbrio de várias funções do organismo, como o sistema nervoso e o sistema imunológico.

A cannabis ganhou notoriedade porque seus mais de 100 tipos de canabinóides conhecidos, que também  são bem parecidos com os que produzimos no nosso corpo, com o poder de substituí-los.

O nome correto dos canabinoides produzidos pela planta é fitocanabinoides ou canabinoides exógenos.

Eles geralmente são encontrados nas flores, nas folhas e no caule. Contudo, são considerados metabólitos secundários, ou seja, diretamente ligados ao crescimento e desenvolvimento da cannabis. 

Função para as plantas

Eles funcionam como uma espécie de proteção contra pragas, doenças e radiações. Um canabinoide chamado THCA, por exemplo, possui um mecanismo de defesa que provoca a morte das células de alguns tipos de insetos. 

 Além dos canabinoides os chamados terpenos, outros tipos de molécula encontrada na planta, estão associados ao controle de pragas e insetos e são consideradas repelentes naturais. 

Com tantos canabinoides e terpenos, a planta pode crescer em vários ambientes e em solos de baixa qualidade também. 

Benefícios diversos

Até hoje, a cannabis é a planta com mais canabinoides já descoberta, por isso, além do corpo humano, ela pode ser útil na recuperação do solo. 

O próprio Reino Unido anunciou que iria utilizar a planta para ajudar na recuperação ambiental em todo o seu território.

O cânhamo, por exemplo, uma subespécie da cannabis com quantidade alta de canabidiol (CBD),  é uma planta muito resistente que pode ser cultivada mesmo em solos de baixa qualidade. 

Na verdade, as raízes até ajudam a remover os metais e produtos químicos tóxicos do solo. O cânhamo foi usado até mesmo para ajudar a limpar o vazamento nuclear de Chernobyl.

 O cânhamo também sabe ser um sequestrador de carbono eficiente. A colheita absorve mais CO2 do ar do que as árvores, com uma estimativa de 1,63 toneladas de carbono retidas por cada tonelada de cânhamo.

Avatar

Tainara Cavalcante

Jornalista e produtora de conteúdo no Cannalize. Amante de literatura, fotografia e conteúdo de qualidade.

Mais Notícias